segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Sistema Bancário Irlandês - Parte IV - Enfim o Fim

Pois bem haviamos parado por aqui da última vez que postei sobre os bancos irlandeses.

De fato depois que mudei meu endereço fui ao banco no dia seguinte e solicitei novos cartão e senha, pois é mudou de uma dia pro outro, não precisei esperar três dias. Isso foi na terça. Na quarta eu resolvi fazer o depósito, pedi ao caixa o extrato e ele me disse que eu teria que voltar no dia seguinte e solicitar no custumer service, então lá fui eu na quinta-feira e solicitei o extrato. No mesmo dia assim que voltei do banco já encontrei a senha, ou seja levou só 2 dias pra chegar, isso já me deixou mais animada. Hoje voltei da escola cheia de esperança de que o cartão estaria aqui e quem sabe o extrato também, mas não tinha nada, saí e fui ao mercado voltei ainda com alguma esperança mas nada de novo. Passei a tarde no meu quarto e quando saí pra tomar banho vi na mesinha do corredor algumas cartas, duas eram pra mim, o cartão e o extrato, o correio passou mais tarde  e meu housemate achou as cartas e colocou ali.

Muito mais aliviada abri as cartas e conferi, tudo certinho. Amanhã com o extrato vou a imigração logo após a aula, finalmente pegar meu visto pra ficar na Irlanda té outubro de 2012. 

Pra concluir, o sistema bancário daqui é diferente do nosso, as coisas precisam de dias pra entrarem no sistema, 3 dias pra conta ficar aberta, 1 dia pro dinheiro aparecer na sua conta, você pede um extrato e ao invés de imprimir, carimbar e assinar os caras te enviam pelo correio, mas apesar dos pesares funciona, lentamente como eu imagino que funcionava nos anos 1950 no Brasil, mas fazer o que aqui estou, tenho que me adaptar.

Só lembrando que o meu processo foi longo, muitas pessoas não enfrentam nenhuma complicação. Eu queria mesmo mostrar como o sistema de bancos funciona por aqui, mas eu só posso falar pelo "meu" banco, talvez em outros seja diferente.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Quando bate o cansaço

Vir pra Irlanda não foi fácil. A única parte fácil foi decidir vir. Mas entre o dia que eu decidi vir e o dia que eu embarquei cerca de 14 meses se passaram. Mas cá estou, e eu vim cheia de informações, com a certeza de que rapidamente tudo se resolveria.

Pois bem, eu fui sorteada e as coisas não estão correndo na velocidade esperada e desejada, nada que me leve ao desespero, conheço outras pessoas que assim como eu também tiveram problemas com o banco e com os correios, gente que mesmo com o visto provisório de um mês não teve nenhum problema quando foi até a imigração e gente que ainda está na correria.

Ainda não tenho uma solução para os meus problemas, mas as coisas estão encaminhadas, mas isso não impede que eu me sinta um pouco frustrada. Hoje, com um pouco mais de um mês aqui foi a primeira vez que realmente chorei. O pior é que foi bem quando estava falando com minha mãe no skype, eu não queria que ela me visse chorando, mas eu estva me sentindo tão frustrada e cansada que não aguentei. Eu sei que tudo vai se resolver e que vai dar tudo certo. Tenho certeza disso. Só queria que tudo já estivesse resolvido. Mas demos tempo ao tempo.


segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Sistema Bancário Irlandês - Parte III - Post Office bonus

Olha hoje foi a primeira vez que me deu vontade de chorar aqui, e foi de raiva.

Minha conta está aberta desde o dia 07/11 meu cartão e senha deveriam ter chego no máximo dia 15/11 se formos contar os 5 dias úteis que eles dizem que demora, mas nada até agora. Então hoje depois da aula eu vim pra casa verificar se tinha chego alguma coisa, nada. Almocei rapidinho e fui ao banco. Fui atendida pelo mesmo cara que me atendeu da segunda vez. Ele verificou que o cartão tinha sido sim enviado, mas como ainda não tinha chego eu poderia cancelar aquele e esperar pra que outro fosse enviado mas se o primeiro enfim chegasse eu não poderia utilizá-lo ou esperar mais uns dias, como já esperei demais disse que iria querer outro cartão, mas queria mudar o endereço, pois bem, pra mudar o endereço leva três dias até atualizar. Isso mesmo, três dias pro novo endereço entrar no sistema.

Minha decisão foi mudar o endereço já que de qualquer forma eu não moro mais naquele e o atendente me aconselhou a ir no Post Office (correio) da minha região e verificar se havia alguma correspondência lá em meu nome, pois bem, liguei pro Marcelo que já tinha precisado ir lá e perguntei onde era, lá fui eu.


No Post Office o cara simplesmente olhou pra minha cara e disse que não tinha nenhuma carta lá que estava tudo na rua sendo entregue e se não fosse correspondência com código de rastreamento ele não poderia fazer nada. Assim, na maior boa vontade da face da terra. Não sei bem como é no Brasil, mas eu tenho certeza que não é essa bosta que é aqui. Como uma carta leva três semanas pra ser entregue?, e se nunca chegasse nada lá ou o endereço estivesse errado, mas eu tenho certeza que o endereço está certo até por que recebi outra carta lá que serviu de comprovante de residência pra abrir a conta no banco. Ou seja, incompetência do correio dessa vez.

O atendente do banco me disse pra voltar lá a amanhã e verificar se o endereço já havia mudado, por que o normal como eu disse é levar três dias, mas vai que os anjos me ajudam e muda antes. Pra mudar o endereço eu tive apenas que pegar um telefone lá na agência e falar com uma moça do teleatendimento, e essa parte foi complicada por que além do sotaque acho que ela estava com uma batata quente na boca, isso além de falar na velocidade da luz, tive que pedir várias vezes pra ela repetir, mas no fim deu certo, ela confirmou duas vezes o endereço novo e também foi bem simpática assim como o atendente.

A saga continua, e não tem previsão de acabar.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Um mês na Ilha Verde

"Isso a um mês atrás e anos atrás, quem acreditava em nós? negros pobres e pais com pouca instrução, porém não nos escondemos atrás da cor da nossa pele e nem da classe social e sim fomos a luta porque não, já atravessamos o atlântico e SIM, podemos mais somos capazes de realizar nossos sonhos SIM, nossos, pois a realização dos teus me deixam mais próximo dos meus, e SIM, voe o mais alto que puder porque SIM NÒS PODEMOS!!!!"  By Rodrigo M.A. - meu irmão


Pois é senhoras e senhores, ontem, 17 de Novembro, completei um mês na Irlanda, um mês morando em Dublin. A viagem foi longa como vocês puderam ler, mas valeu cada segundo vivido até agora.

Normalmente os brasileiros que viviam em cidades grandes no Brasil, São Paulo por exemplo ( como tem paulistano aqui) comparam Dublin a uma cidade do interior, pois pra mim de interior não tem nada. Saia a noite em Limeira pra ver se você encontra um viva alma na rua, e se encontrar é melhor desconfiar. Já Dublin tem vida noturna, centenas de opções de lugares pra ir, ok pub e balada, mas melhor que meia dúzia de barzinho, incluindo os ruins.

Além disso Dublin é uma cidade muito bonita, cheia de igrejas e prédios antigos, monumentos, e com muitos parques também, incluindo o maior parque da Europa o Pheonix Park.

Spire


Post Office





Portal No St. Stephans Green Park

St. Stephans Green Park

Obelisco Pheonix Park

Pheonix Park


Eu ainda não visitei muitas coisas aqui, e ainda não fui a muitos lugares, vou me dar tempo pra fazer isso afinal não estou aqui a passeio, estou vivendo aqui, tenho tempo pra descobrir vários cantos e me encantar várias vezes, um mês já foi, muitos estão por vir.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Sobre "e se..." e "como o mundo é pequeno"

Eu sou uma pessoa ansiosa sabem, dá pra imaginar, já que esse blog começou em Janeiro, mas minha viagem só aconteceu em Outubro, e pra descarregar a ansiedade eu fiz o blog.

Pois bem, minha ansiedade não diminuiu por que eu aterrissei finalmente em Dublin, não senhoras e senhores, ela as vezes atinge alguns picos. Na minha primeira semana aqui eu quis agilizar os trâmites e dei logo entrada nos papéis do primeiro documento irlandês necessário para o visto. Acontece que eu precisava de um endereço e como não tinha um endereço fixo ainda utilizei o endereço da acomodação. O documento que leva normalmente 5 das úteis pra chegar levou 12, e nesse prazo eu já tinha o meu endereço, acontece que se tivesse esperado mais 4 dias até o primeiro dia de aula eu poderia ter dado o meu endereço atual e não precisaria ficar incomodando o responsável pela acomodação perguntando por cartas. E como esse documento serve de comprovante de residência pra abrir a conta no banco, eis que estou em outra espera, pelas cartas do cartão e senha  do banco. O Vinícius que veio no mesmo voo que eu usou meu endereço pra fazer a documentação dele, e já está com tudo certo, as cartas chegaram no prazo. Ou seja SE eu tivesse sossegado a periquita  e esperado um tiquinho não estaria sendo devorada pelo bichinho da ansiedade agora mesmo. Mas já que eu fiz errado o jeito é esperar.

Mudando de assunto...

A escola onde eu estudo tem convênio com apenas uma agência no Brasil pela qual eu vim. Ou seja todos os brasileiros zanzando pelos corredores da escola que vieram por agência vieram pela mesma agência. E não bastasse isso a Cintya que estuda na mesma sala que eu não só veio pela mesma agência como já tinha achado o blog quando estava procurando pessoas que também vinham pra Irlanda, mas como eu vinha 2 meses depois dela acabou nem entrando em contato, mas o destino fez sua parte hehe e pra ajudar rola uma fascinação mútua pela Grécia.


terça-feira, 8 de novembro de 2011

Sistema Bancário Irlandês - Parte II

Continuo achando o sistema precário. Primeiro as taxas, muitas pessoas me disseram que não sabiam o por que de não ter conseguido abrir conta de estudantes, inclusive a Cintya que estuda na mesma sala que eu e leu o blog. Parando pra pensar é meio absurdo mesmo, uma vez que eu fui ao banco com uma carta da escola que inclusive informava o período de estudo e a carta é a mesma pra todos os estudantes. Mas ok, vamos relevar e pagar os centavos quando necessário.



Ontem fui ao Bank of Ireland (BOI) e sim, minha conta "" estava aberta, fui atendida por outra pessoa mas no mesmo guichê, me deram um cartão de papel com o número da minha conta e da agência escritos a mão, com bic. Olha, é de uma modernidade sem fim, poderiam pelo menos usar máquina de escrever elétrica. Recebi a informação de que ainda ontem meu cartão e minha senha seriam enviados via correio devendo chegar separadamente. Como eu ainda estou usando o endereço da acomodação e não da minha casa, resolvi esperar pegar as cartas antes de fazer o depósito, assim não tenho pesadelos com outra pessoa usando meu precioso e suado dinheirinho. Leva cerca de 5 dias úteis pra que tudo chegue, veremos.

O atendimento de contas novas é feito até as 3:30pm, acontece que eu estava na fila e eram mais ou menos 3:10pm eu seria a próxima mas como tudo é preenchido a mão por quem está abrindo a conta o cara do atendimento olhou pra fila e disse que o atendimento ali era só até 3:30 e que ele só teria tempo de atender mais uma pessoa, eu no caso, tinham dois rapazes brasileiros atrás de mim, e atrás deles um casal, os meninos foram embora e o casal ficou considerando se iria ou se ficaria, falei com eles que o meu seria rápido se quisessem continuar na fila, e nisso engatamos um papinho. Como previ meu atendimento foi rápido e eu trouxe o pedaço de papel pra casa, me despedi do casal desejando boa sorte a eles. Me digam quando que no Brasil alguém te manda embora da fila? Eu pelo menos nunca vi isso.

Agora tenho que esperar os documentos chegarem, fazer o depósito e solicitar o extrato. Vamos ver quantas partes a saga ainda terá.


quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Sistema bancário irlandês - Parte I

Ou seria sistema precário? Gente, olha.

Senta que lá vem a história... Do início de 2009 até setembro de 2011 eu trabalhei em instituições financeiras, uma banco público e uma cooperativa de crédito que atua como banco. Pois bem, por mais que a gente reclame do sistema, que "dá pau" toda hora, que é lento e blábláblá, o sistema bancário brasileiro é ótimo, tenham certeza disso. No Brasil você abre sua conta no banco, e já sai de lá sabendo o número dela, na maioria dos bancos você mesmo escolhe a sua senha e depois recebe um código que deve ser usado junto com a senha, sem contar os cartões multiplos e com chip. E assim que sua conta estiver aberta você já pode efetuar depósitos e fazer movimentações direto no caixa enquanto seu cartão não chega.

E vocês acham que aqui também é assim? Oh inocência!

Hoje fui abrir a conta no banco, depois de entregar documentos preencher formulários a mão (isso mesmo estamos na era da pedra lascada) a atendente me informou que a conta estará aberta na segunda-feira. Isso mesmo, eu não escrevi errado, você não leu errado SEGUNDA-FEIRA. São necessários 3 dias úteis pra conta passar a existir, tipo, nem sei, se bobear no Brasil em 3 dias você já está com seu cartão gastando no crédito. E é claro que enquanto a conta não é aberta, não posso depositar o dinheiro e eu preciso fazer o depósito, pedir o extrato e depois ir na imigração, mas isso é assunto pra outro post.

E ainda tem mais, pra ter conta de estudante eu precisaria estudar em período integral, mas como meu curso é só de 15 horas semanais, eu não tenho uma conta de estudante que seria sem tarifas, então minha conta tem tarifas. Eu pago €0.28 em todo depósito e em toda retirada. Sim aqui se paga pra COLOCAR dinheiro no BANCO. 

O que ouvi dizer é que o dinheiro também não entra na sua conta na mesma hora, e sim no dia seguinte. Segunda-feira terei mais informações reais sobre esse assunto polêmico. Olha, é de cair o queixo viu.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Casa, compras e aula

O que eu não contei no post anterior é como consegui a vaga onde estou. Pois bem, eu sempre olhei vagas no famoso e muito útil daft.ie. É o principal lugar onde as vagas aparecem, mas também olhava as vagas nas comunidades "Dublin para Brasileiros" e "Meninas de Dublin" no Orkut, sim gente, Orkut ainda vive e serve pra alguma coisa. 

E foi na primeira comunidade citada que eu vi o anuncio da vaga, mandei um SMS e nada de resposta, lembre que no facebook tinha uma comunidade com o mesmo nome, e plá, lá estava o anuncio de novo, deixei um comentário e uns 2 minutos depois o anunciante me ligou, marcamos pra eu ver a vaga no dia seguinte, vi, gostei fechei. Isso foi logo na minha primeira semana aqui, mas eu dei sorte, tentei várias outras vagas, mas elas sempre eram preenchidas com pouco tempo de anuncio. Foi ótimo ter escolhido duas semanas de acomodação por que se eu precisasse de mais tempo pra achar uma vaga teria, mas consegui logo, melhor ainda.

Ontem por estar com tosse e febre nem saí de casa, então nem tinha usado minha chave ainda, hoje cheguei em casa e nada da porta abrir. Quase tive um treco, gira pra cá, gira pra lá e nada. Mandei um SMS pro rapaz que me passou o quarto e ele me disse pra dar uma puxadinha na porta quando girasse a chave, abriu. 

Aliás eu estava carregada de compras e pro lado de fora. Foi a primeira vez que fiz compras de uma forma quase organizada, fiz uma lista ontem a noite com as compras da semana. Aqui na casa o espaço pra guardar as compras é pouco então é preciso comprar semanalmente.

Eis o que comprei, com € 16.90



















Não comprei só coisas saudáveis, inclui chocolate e salgadinho e uma guloseima que é croinssants recheados com chocolate, mas isso serve como lanche na escola. Mesmo assim comida pra semana toda por menos de €20 e eu vim com a ideia de gastar até € 25 por semana, mas eu não comprei nada pro fim de semana como pizza  congelada ou outras coisas, então ainda posso gastar mais um pouquinho. E eu ainda preciso aprender a fazer isso direito, acho que até dezembro pego o jeito de fazer compra.







Hoje a aula foi bem interessante, capítulo novo no livro e vários alunos na sala, o bom é que hoje realmente teve o mix de nacionalidades que a gente espera no intercâmbio. Estavamos em 12 alunos. 5 brasileiros, 3 espanhóis, 2 japonesas, 1 coreana, 1 francesa. Foi bem interessante.