domingo, 22 de janeiro de 2012

Viajei: Escocia - Dia 2 - Glasgow


Tecnicamente o dia 2 comecou no dia 1, uma vez que fomos dormir as 3 da manhã. Como queríamos tomar café programei meu despertador para as 9. Resistimos a tentação de continuar na cama e fomos tomar café, logo depois a Alethéa fez check-out e voltou pra Glasgow, como nós ainda tínhamos que comprar o passeio pro terceiro dia decidimos ir mais tarde. Então subimos novamente a Royal Mile rumo ao castelo, estava um domingo de sol e a cidade fica ainda mais bonita.

Paramos várias vezes em lojas de souvenirs, eu acabei não comprando nada por que sou enjoada e não gostei de nada tanto assim.

Compramos o passeio, pedimos pra alguém tirar uma foto nossa com o castelo ensolarado ao fundo e fomos rumo a Bus Station. Como queríamos economizar resolvemos ver qual era o preço do ônibus pra Glasgow, apesar de ser mais barato, levava quase o dobro de tempo do trem, então voltamos pra estação de trem que era bem perto do nosso hostel e fomos comprar nossos tickets pra viagem.

Aqui em Dublin e também em Edinbugh muitas coisas são compradas em auto-atendimento. Na hora de comprar apareceram duas opções de estação em Glasgow, como nós não sabíamos quem era e eu não consegui falar com aThéa no celular decidimos ir comprar com a atendente mesmo. Mas nessa hora um funcionário da informação veio nos ajudar, compramos uma passagem de grupo que saia mais barato do que a passagem individual, mas o funcionário não foi muito claro e isso nos deu um prejuizinho na volta de Glasgow.

Corremos pra pegar o trem, entramos, sentamos e quando o maquinista começou a anunciar o trajeto percebemos que estávamos no trem errado, descemos e fomos pedir informação de novo pra um cara que fiscaliza a plataforma, então entramos no trem certo, mas esse sairia só em 20 minutos.

No caminho vimos muitos campos bem branquinhos, ficamos em duvida se era uma geada forte ou uma neve fraca, mas a certeza era que estava bem frio lá fora.

Chegamos em Glasgow e não tínhamos pesquisado nada pois já tínhamos uma guia né, mas nossa guia mora longe e então saímos andado. Achamos uma McDonalds e fomos comer. Mulher sentada, no quentinho e de barriga cheia, ficamos lá por um bom tempo até que a Théa chegou.

Andamos um pouco ali pela região central, como era domingo e já estava tarde não deu pra fazer muita coisa. Glasgow tem uma rua que pode ser comparada a Grafton Street aqui de Dublin, mas é claro, é bem maior, nessa rua vimos uma banda que além de homens com saia tocando gaita de fole ainda tocavam uns tambores, ficava um som bem medieval, eu fiz um vídeo no celular mas ficou muito ruim, nem vou publicar.
Fomos até um pub que fica num sub-solo, as meninas comeram pizza, muito boa por sinal, massa bem fininha. 



Depois disso já era hora de voltarmos para Edinburgh, eu pelo menos estava bem cansada por causa do dia anterior e no dia seguinte teríamos que acorda de cedo de novo. Fomos até a estação e dali 15 minutos teria um trem pra Edinburgh, entramos sentamos, e depois de uns 5 minutos de viagem apareceu um fiscal conferindo as passagens, como eu fiquei com os nossos bilhetes tirei o bolso e mostrei. Foi aí que a falta de explicação do cara que nos ajudou a comprar a passagem nos deu prejuízo.

Acontece que normalmente quando compramos passagens com return (ida e volta)  apenas um bilhete é emitido, mas nesse caso foram emitidos dois, nós não reparamos que um era “From Edinburgh To Glasgow” e o outro “From Glasgow To Edinburgh”, então na ida, quando chegamos em Glasgow entregamos o bilhete errado pra fiscal que libera a saída da plataforma, na ida também não teve fiscal, senão teríamos percebido. Então na hora que entregamos o bilhete o fiscal ele viu que era o bilhete errado, ou seja não era o que ele queria e como não tínhamos o outro tivemos que pagar passagem de novo, no fim gastamos só 2 libras a mais do que se tivéssemos comprado passagem individual e não de grupo, mas dá uma revoltazinha pensar que não prestamos atenção e que as pessoas que deveriam explicar e fiscalizar também não fizeram suas partes.

O fim da nossa viagem foi bem silencioso, estávamos cansadas e essa despesa extra injusta murxou a nossa bola.
Eu não estava com fome então fui direto tomar banho e dormir, as meninas ainda foram comer já que nosso hostel tinha um gastropub.

Nenhum comentário:

Postar um comentário