segunda-feira, 30 de abril de 2012

Eu não tenho culpa

Meu amor por Dublin e pela Irlanda já foi manifestado aqui diversas vezes, e esse é um dos motivos ue me faz escrever esse post. Difíceis decisões precisam ser tomadas em um curto espaço de tempo.

Minha vida aqui está por um fio, ou eu consigo algo que me pague minhas contas ou antes do início oficial do verão eu volto pro Brasil, mas eu não quero, quero ficar aqui, entrar em vários aviões e conhecer várias terras/ culturas/ pessoas/ cheiros/ sabores novos. Eu quero novidades, mas na vida não se tem tudo, não sou eu quem faz as regras só as sigo, por mais complexas e injustas que elas sejam. 

Eu queria que fosse CULPA minha o fato de ter que voltar, se eu nunca tivesse saído pra procurar emprego, nunca tivesse ido em uma entrevista, tivesse me recusado a fazer faxina ou cuidar de criança, eu saberia que a culpa é minha e de mais ninguém, mas a culpa não é minha, é da recessão e apesar dela eu escolhi vir pra cá, e vim e nunca vou dizer que me arrependo. 

Como eu posso me arrepender de ter feito meu caminho até aqui, de conhecer as pessoas que conheci, de fazer as poucas viagens que fiz, de rir com quem eu ri, de beber (e aprender a beber) com quem eu bebi. Até aqui essa é a experiência mais extraordinária que eu já tive na vida, o que atrapalha o brilho dessa fato é s'a falta de uma renda estável.

Pra quem me pergunta se eu acho que vale a pena, sim, e como, mas esteja ciente que a vida é um livro sendo escrito a cada segundo, não há como prever o que está por vir, então aproveite, aproveite as pessoas, os cheiros, os sabores as paisagens, os dias de sol e os de chuva, você vai querer se lembrar de cada um deles.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Eu no E-Dublin (twice)

Não, eu não fiquei tão famosa assim a ponto de me pedirem entrevista. Ok que a Lívia (brasileira que estuda na mesma escola e agora na mesma sala que eu) me reconheceu depois da entrevista para o Vida na Irlanda. 

Acontece que como já disse aqui muitas vezes participo do grupo de discussões do e-dublin, e um dia um tópico de discussões era sobre quanto tempo ficar aqui na terrinha verde, dei minha opinião e a Ávany que é colaboradora do site gostou e me pediu pra falar mais sobre o assunto. Essa foi a primeira vez que apareci por lá.

Na segunda vez eu não apareci (não tem minha foto "so sad") mas minhas palavras estão na matéria, e atribuídas a mim. Minha amiga Elaine que é jornalista e também colaboradora do site escreveu uma reportagem sobre o custo de vida pra um intercâmbista, como eu sou administradora e já havia comentado com ela sobre a maneira que controlo minhas despesas ela achou interessante incluir minha opinião na matéria. É claro que não teve foto por que né, toda hora essa menina nesse site agora, não tem mais gente pra entrevistar não?

Então é isso. Confiram:

e

terça-feira, 17 de abril de 2012

E 6 meses se passaram

Pois é gente amiga, faz seis meses que pisei pela primeira vez nessa terrinha de vento e chuva.

O tempo passou tão rápido, dizer que muita coisa aconteceu é pouco, mas as coisas acontecem tão rápido e tão sequencialmente que não dá pra enumerar.

Com certeza fiz bons amigos, pessoas com as quais desejo manter amizade por muitos anos, e com as quais vou poder conversar sobre essa experiência sem medo e vergonha.

Sinto falta de muitas coisas do Brasil, amigos que lá ficaram, família, cachorros, e comida. Essa semana dei pra sentir falta de comida. Cachorro quente, pastel, esphira etc.

Meu futuro em terras celtas é incerto, só tenho duas certeza, minhas aulas terminam dia 04/05 e  Vivi chega dia 16/05 pra passar 3 semanas por aqui. Depois disso não sei de mais nada. Seja o que tiver que ser.

Até aqui foi tudo ótimo.

terça-feira, 10 de abril de 2012

The F* word

Tem dias que a maior vontade que eu tenho é de usar um FUCK YOU em letras garrafais pra certas pessoas. Isso geralmente acontece quando eu faço anúncios procurando trabalhos no gumtree. Esse é um site de anúncios grátis, dá pra anunciar muita coisa, mas eu só me interesso pelas vagas de trabalho.

Há algum tempo atrás eu usei o site pra me oferecer como cleaner e nanny, as únicas respostas que recebi foram de homens querendo "uma massagem sensual" é claro que tem aqueles que vão logo ao ponto e dizem que pagam bem pra ter sexo.

Isso dá uma baixado no astral sem fim, você está ali se oferecendo pra trabalhar e vem fulano desocupado te tratando como prostituta, se essa fosse minha intenção eu deixaria claro, mas não é, nunca foi e jamais será. Eu tenho minha passagem de volta comprada e paga, não preciso e nem quero trocar sexo por dinheiro.

Pois bem, o último idiota a merecer mas não ouvir um FUCK YOU foi um "senhor" que entrou em contato comigo através de um site exclusivamente pra pessoas que querem um trabalho de cleaner ou precisam de uma cleaner. O site é claro, o nome do site é claro, é para serviços de limpeza. O fulano entrou em contato comigo dizendo que logo iria se mudar de apartamento e iria precisar de alguém pra limpar. Ok, fiquei com o telefone dele e ele com o meu, e daí que se passaram duas semanas e nada dele ligar, entrei em contato perguntando se ele ainda iria precisar de uma cleaner e quando. Ele me liga dizendo que a ainda não tinha mudado e que a última cleaner dele tinha deixado a casa bem limpa, então no momento não precisaria de cleaner, mas que ele poderia me oferecer um outro serviço, que ele precisava fazer algumas coisas no computador e não tinha tempo. Como eu estava no correio e estava meio barulhento combinei de mandar meu e-mail pra ele e ele me explicaria o que era exatamente o trabalho. Só pra vocês não dizerem "ai que bobinha" um cara me pagou pra arquivar recibos, passei 2 horas e meia arquivando papéis enquanto ele fingia que trabalhava no computador.

Pois bem, lá vem o e-mail e ele me pergunta que tipo de serviços eu faço. com a pulga atrás da orelha respondi pedindo pra ele me explicar o que ele queria, que eu tinha entendido que era algo no computador. Ele me liga e começa a dizer que está com alguns problemas no computador e que precisa de ajuda por que não sabe mexer, que toda vez que inicia o computador aparecem fotos pornográficas ¬ ¬. Deixei ele falar, o maldito chegou a se oferecer pra mandar as fotos pra mim, pra eu ver se poderia ajudar, eu "inocentemente" respondi que não, por que se fosse um vírus no computador dele poderia passar pro meu. Olha me fiz de burra ao extremo e ele muito dissimulado também se fez. Assim que desliguei mandei uma mensagem dizendo que não era prostituta e se era esse o interesse dele, favor não me ligar novamente. Eu não sei como as prostitutas daqui trabalham, mas tenho certeza que eles não colocam anuncio em site de limpeza nem cobram tão barato quanto eu. 

Haja paciência.


terça-feira, 3 de abril de 2012

Odd Weather

Na semana passada, começando no sábado dia 24/03, uma "onda de calor" passou pela Irlanda, e o fenômeno "Todo Mundo Deitado na Grama" pode ser visto em qualquer lugar do país, ainda bem que grama aqui é o que não falta.

Flores, o símbolo da primavera - Pheonix Park

Veados - Pheonix Park


Colin e seu instrumento musical.

Gente, sim, fez calor em Dublin. E foram dias agradabilíssimos, acordar e ver o sol, e ver como essa cidade fica ainda mais linda ensolarada, ah realmente não tem preço. Pois bem no dito fim de semana eu fui a dois parques diferentes, pra fazer a mesma coisa, picnic e deitar na grama.

Como eu sou uma pessoa que desconfia de previsões do tempo saí de casa mais agasalhada do que necessário, por que né, você olha no site de previsão do tempo e lá diz que está fazendo 15 graus, eu brasileira, paulista do interior, penso logo que isso não é quente. Mas olha que por aqui é viu. Deu pra me desfazer de alguns casacos. 
Rumo ao parque em mais um dia de sol.

A temperatura "alta" durou até quinta-feira, na sexta voltamos com a programação normal, num dia chove no outro também, e faz frio nos dois.

E hoje qual é a nossa surpresa quando acordamos com chuva batendo na janela, e de repente, não mais que de repente, lá vem o sempre bem vindo sol, mais algumas horas, a chuva, muito gelada está de volta e agora, em alguns lugares da cidade (menos onde eu moro) está NEVANDO, isso mesmo minha gente, neve, na primavera, em Abril. Mano, sacanagem, agora que eu estava feliz com o calor de 19 graus que chegou a fazer, esfria tudo de novo e NEVA!?

O fato é que hoje meu professor veio com a desinteressante informação de que a última vez em que fez tanto calor em um mês de Março na Irlanda foi em 1965 e foram procurar dados pra ver se o verão tinha sido agradável, e a resposta é não, não foi.

É negada, vamos tirar as luvas, gorros e cachecóis das gavetas que teremos que usá-los novamente.