segunda-feira, 30 de abril de 2012

Eu não tenho culpa

Meu amor por Dublin e pela Irlanda já foi manifestado aqui diversas vezes, e esse é um dos motivos ue me faz escrever esse post. Difíceis decisões precisam ser tomadas em um curto espaço de tempo.

Minha vida aqui está por um fio, ou eu consigo algo que me pague minhas contas ou antes do início oficial do verão eu volto pro Brasil, mas eu não quero, quero ficar aqui, entrar em vários aviões e conhecer várias terras/ culturas/ pessoas/ cheiros/ sabores novos. Eu quero novidades, mas na vida não se tem tudo, não sou eu quem faz as regras só as sigo, por mais complexas e injustas que elas sejam. 

Eu queria que fosse CULPA minha o fato de ter que voltar, se eu nunca tivesse saído pra procurar emprego, nunca tivesse ido em uma entrevista, tivesse me recusado a fazer faxina ou cuidar de criança, eu saberia que a culpa é minha e de mais ninguém, mas a culpa não é minha, é da recessão e apesar dela eu escolhi vir pra cá, e vim e nunca vou dizer que me arrependo. 

Como eu posso me arrepender de ter feito meu caminho até aqui, de conhecer as pessoas que conheci, de fazer as poucas viagens que fiz, de rir com quem eu ri, de beber (e aprender a beber) com quem eu bebi. Até aqui essa é a experiência mais extraordinária que eu já tive na vida, o que atrapalha o brilho dessa fato é s'a falta de uma renda estável.

Pra quem me pergunta se eu acho que vale a pena, sim, e como, mas esteja ciente que a vida é um livro sendo escrito a cada segundo, não há como prever o que está por vir, então aproveite, aproveite as pessoas, os cheiros, os sabores as paisagens, os dias de sol e os de chuva, você vai querer se lembrar de cada um deles.

6 comentários:

  1. Karina!

    Vi no grupo E-Dublin que você conseguiu um emprego... aos 47 do segundo tempo! Pode parecer engraçado, nem nos conhecemos, mas fiquei hiper feliz com a notícia!

    Boa sorte e sucesso... e que você consiga alcançar seus objetivos traçados por aí!

    Beijãoo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Carol, eu muitas vezes já passei por isso de ficar feliz por alguém que ainda nem conhecia pessoalmente.

      Obrigada pela torcida :)

      Excluir
  2. Verdade, Karina! Aproveitar cada momentinho aqui!!! Tanta coisa pra ver, pra fazer...
    Boa sorte!!!!

    ResponderExcluir
  3. Vou aproveitar até o último instante :)

    ResponderExcluir
  4. Karina, esse post foi lindo!Fiquei emocionada!Sucesso no seu novo emprego!E que vc consiga ficar tempo suficiente para realizar seus objetivos!Deus te abençoe!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, agora as coisas estão só dando certo, dia após dia.

      Excluir