quarta-feira, 13 de maio de 2015

Hostels - Berlim e Praga

As próximas cidades desse e dos próximos posts foram cidades que visitei all by myself. Primeira vez viajando sozinha na vida e comecei por países onde o inglês não era a língua principal, mas deu tudo certo.

Não se esqueça, pra saber como foi a visita em cada cidade pasta clicar no nome da mesma.

Berlim: Por algum motivo fui atraída para o Leste Europeu antes de voltar para o Brasil, então decidi começar por Berlim. Viajar sozinho pode parecer libertador, mas escolher um hostel sozinho pode ser cansativo, quando a escolha é feita com outras pessoas os diferentes pontos de vista sempre ajudam na decisão.

Pois bem, perguntei pra uma amiga que tinha visitado a cidade alguns meses antes e ela indicou um hostel, usei alguns dos meus critérios de escolha e acabei optando pelo Pfefferbett Hostel . O nome é complicado, eu sei, mas a localização é maravilhosa, literalmente você atravessa a rua saindo do metrô e entra na área onde fica o hostel, achei muito fácil ir pra vários lugares de lá. Internet rápida, quarto com banheiro dentro e armários que não ficam embaixo da cama, o que evita aquele barulho de grade no meio da noite caso alguém chegue tarde ou tenha que sair de madrugada. O café da manhã era pago, mas muito digno e muito melhor do que café da manhã grátis e você podia comer até explodir caso esse fosse seu desejo.

Berlim

Praga: Ai Praga, se eu pudesse me casar com uma cidade, me casaria com Praga. Mas vamos falar do hostel. Eu acho que esse foi o hostel que mais acertei na escolha, principalmente pela localização, todas as pessoas que conheci e que estavam em hostel estavam em lugares que ficavam longe da Old Town Square e o Hostel Prague Tyn fica literalmente a cinco minutos andando de lá. Ou seja, você vai estar a cinco minutos do principal da cidade e de lá você vai ter acesso ao restante com facilidade. Quartos de tamanho ótimo e com banheiro dentro além dos chuveiros coletivos de cada andar.

A grande desvantagem, não tem uma café da manhã que você possa chamar assim, porém eles dão (davam) um sanduíche aos hóspedes a qualquer hora do dia. Você pode pegar um sanduba, comprar uma água e pronto, ou pode sair pra comer na rua, nas vielinhas tinham vários restaurantes com café da manhã bem barato, na época eu calculava tudo à partir do Euro, mas acho que mesmo calculando à partir do Real a cidade é bem barata.

Meu amor...digo, Praga

Espero que as dicas tenham sido úteis :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário